Família

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Os Malfeitores da Cruz


E um dos malfeitores que estavam pendurados blasfemava dele, dizendo: Se tu és o Cristo, salva-te a ti mesmo e a nós.
 Respondendo, porém, o outro, repreendia-o, dizendo: Tu nem ainda temes a Deus, estando na mesma condenação?
E nós, na verdade, com justiça, porque recebemos o que os nossos feitos mereciam; mas este nenhum mal fez.
 E disse a Jesus: Senhor, lembra-te de mim, quando entrares no teu Reino.
 E disse-lhe Jesus: Em verdade te digo que hoje estarás comigo no Paraíso
                                                                                       ( Lucas 23:39-43 )


Esse é um dos texto bíblicos mais conhecidos, da Palavra de Deus, pois narra um momento decisivo da história mundial, o momento da crucificação de Jesus Cristo; e através de Sua Morte como “o maior Sacrifício” que o homem poderia receber para remissão de pecados, a ressurreição é a garantia da nossa vitória, pois todo o Poder na Terra e no Céu foi dado a Jesus.
         Mas o que quero destacar nesta passagem é a respeito dos dois malfeitores que foram crucificados ao lado de Jesus. Pois naquele momento veremos que os dois irão se manifestar em um momento em que realmente eles sabem que são os últimos minutos ou horas de suas vidas.
         O primeiro malfeitor disse: Se tu és o Cristo, salva-te a ti mesmo e a nós. O desejo deste homem que de certa forma estava querendo algo do “CRISTO”, era apenas descer da cruz. Sabe o que aprendemos com esta atitude? Que muitos nos dias de hoje tem o mesmo desejo quando buscam o “CRISTO”. Querem apenas o ALÍVIO de suas dores, buscam Jesus quando tudo está mal, e quando por misericórdia de Deus as coisas começam a se endireitar elas deixam o Cristo e continuam suas vidas sem a verdadeira benção.
         Se Jesus desce da cruz naquele momento e liberta este malfeitor da Cruz, ele iria voltar as suas práticas como antes. JESUS NÃO FOI CRUCIFICADO PARA ALIVIAR A DOR DE NINGUÉM.
         O segundo malfeitor disse: “Senhor”, lembra-te de mim quando entrares no teu Reino. Este malfeitor sabia que a sua vida estava neste mundo perdida, e que não tinha mais saída, até mesmo pelas coisas que ele fizera no decorrer de sua vida, ele sabia que merecia aquele tipo de morte, porém ele reconheceu que estava DIANTE, do SENHOR.
         A sua atitude de reconhecimento, fez com que ele clamasse por Jesus e pedisse que o Senhor quando chegasse em seu reino lembrasse dele. O malfeitor esta dizendo pelas atitudes: Eu merco a morte, porém o Senhor pode me dar a Vida ETERNA. Eu não quero alivie apenas a minha dor nesta hora, EU PRECISO QUE SALVE A MINHA VIDA.
         Eu não sei como se encontra a sua vida amado leitor, mas eis ai a sua oportunidade de mudar de vida. O QUE VOCÊ QUER DE JESUS?
                                                     Deus vos abençoe
                                                                                          Paz



Nenhum comentário:

Postar um comentário